domingo, 28 de novembro de 2010

Eles

Em meio a tantas formas de amores, tantos medos e tantas dores. Apenas um suspiro que solto e me entrego como réu de pensamentos profundos e distantes, paranoias e agonias, devaneios. Perco-me em lembranças que me entorpecem e me preencho de felicidade por ter vivido o pouco que já vivi, orgulho de ter crescido o pouco que já cresci. No final da viagem por minhas memórias vejo que minha maior façanha foi ter deixado que Eles me encontrassem. Eles que fizeram minha autoestima para que eu pudesse ser alguém e ter orgulho da minha existência. Eles, meus amigos, são a maior façanha de toda a minha vida. Eu que lutei para encontra-los, mas foram eles que me encontraram e enxergaram meus valores e atenuaram meus temores. Acordo do meu sonho acordada e a única vontade que tenho não é de lhes agradecer, mas sim suplicar: nunca saiam da minha vida, eu não saberia viver em um mundo que vocês não existissem.

Giulia Campanha


3 comentários:

samuel disse...

OWN, Que lindo gih *----------*

BrilhosGifs.com disse...

Olá! Gostei muito do Seu Blog! Parabéns!
Já estou lhe seguindo, e aproveitando para divulgar
os meus sites...
Abraços!
Siga-me,
Tem sorteio de Natal por lá!
http://www.martas-bgfs.com
http://www.brilhosgifs.com

Licórnia Negroide disse...

:) Seus textos me deixam sem palavras e uma pontinha de saudade de tempos que vivi.